***: Fortalecimento dos Municipios

26/11/2010

Fortalecimento dos Municipios

>>Brasão da GMCG<<

“Infelizmente temos de conviver com um distanciamento entre a segurança pública ideal e o que realmente acontece.
Ainda lutamos para atingir aspectos universais mínimos, como atendimento com dignidade e no tempo certo.
Precisamos ter nas áreas sociais o mesmo ritmo de avanços proporcionados pelo desenvolvimento econômico do país. O perigo do descompasso é a diminuição da oferta de serviços públicos de segurança, maior busca por serviços de vigilância privada e o  crescimento da desigualdade, uma ameaça para a segurança pública.
Quatro grandes aspectos merecem atenção: aumento de recursos nos orçamentos para a área sociais; preparação dos que administram os recursos da segurança pública (gestores); melhoria da qualidade dos serviços oferecidos; e incentivos a participação e controle social.
 O que se faz na segurança pública municipal é ainda insuficiente para que o cidadão aceite e respeite as normas regulamentares, previna mortes e doenças. A segurança pública depende da atuação articulada dos governos federal, estadual e municipal, como sabemos.
Mas quem realiza as ações e recebe as cobranças imediatas é o município.
 Portanto, é no município que precisamos ter mais capacidade técnica, de gestão, e disponibilidade de recursos.
O próximo governo deve fortalecer os municípios. E investir para prevenir o sofrimento das pessoas, com ações simples ligadas a família e comunidades. Além disso, é preciso avaliar como medir o esforço dos trabalhadores da segurança pública municipal para premiar quem oferece serviço de qualidade ao cidadão.
Destaco a necessidade de soluções para ocupação de cargos públicos baseados na capacidade técnica e na competência, e a definição de metas e cobrança de resultados da ação dos trabalhadores em prol da população.”
Artigo produzido por:
Fábio Augusto da Silva Souza
Guarda Municipal de Campo Grande MS
Conselheiro Comunitário em Segurança Pública
Leia mais artigos em:

2 comentários:

  1. MATÉRIA MUITO BOA DO GM FABIO , NOSSA SITUAÇÃO NA SEGURANÇA PUBLICA É MUITO CAÓTICA , SE OS NOSSOS GOVERNOS NÃO SE RENOVA VAMOS ENFRENTAR UMA GUERRA CIVIL , AÇÃO ESTÁ QUE OCORRE NO RIO DE JANEIRO IRÁ ESPALHAR PARA TODO O NOSSO BRASIL , ATENTO dEPUTADOS ,SENADORES E MINISTROS , VAMOS UNIR E CADA UM DE NÓS LEVAR SOLUÇÕES CASEIRAS PARA A NOVA PRESIDENTE DO BRASIL.

    CMT - NORBERTO CURVELLO

    ResponderExcluir